Avançar para o conteúdo principal

"FLOR DE UNO SER" - Ró Mar

"FLOR DE UNO SER"


Flor de uno ser abre em pétalas de açucena,
Pelo amanhã que a gente tem para viver,
Livre de utopias e em poesias de se ver,
Para que haja una felicidade plena.

Primavera d' uma estação deixa florir
O coração da nação pelo ano inteiro,
Em raízes d' um cheiro imenso, a sorrir
Pelo universo flores d' um lindo canteiro.

Canteiro de ar namoradeiro ao peito
E alva estrela a brilhar num céu que nos ame
De verdade, quiçá abraço de uno encanto!

Flor de uno ser beija a noite e acaricia o dia
Pelo solstício d' uma era que sempre clame
Natureza pela virtude de una poesia.

© Ró Mar

Comentários

UNO LITERÁRIO

"UM PIANO NA MINHA RUA..." | Fernando Pessoa

"UM PIANO NA MINHA RUA..." Um piano na minha rua… Crianças a brincar… O sol de domingo e a sua... Alegria a doirar…
A mágoa que me convida A amar todo o indefinido… Eu tive pouco na vida Mas dói-me tê-lo perdido.
Mas já a vida vai alta Em muitas mudanças! Um piano que me falta E eu não ser as crianças!
Fernando Pessoa, Poesias